Warning: mysql_real_escape_string(): 54 is not a valid MySQL-Link resource in /var/www.arte-coa.pt/Classes/DataSource.php on line 92 Warning: mysql_query(): 54 is not a valid MySQL-Link resource in /var/www.arte-coa.pt/Classes/Ligacao.php on line 103 Warning: mysql_real_escape_string(): 54 is not a valid MySQL-Link resource in /var/www.arte-coa.pt/Classes/DataSource.php on line 92 Warning: mysql_query(): 54 is not a valid MySQL-Link resource in /var/www.arte-coa.pt/Classes/Ligacao.php on line 103 Côa

CulturaImprimirDicionário critico

André Leroi-Gourhan

José Pinheiro Neves

Arqueólogo e antropólogo francês especialista em pré-história. Ficou conhecido pelos seus contributos para o estudo da relação entre a técnica e a cultura. Defende, em primeiro lugar, que se deve sublinhar a importância da transição no homem para a posição erecta ao libertar as mãos para a actividade manual e o rosto para os gestos e a linguagem humana propiciando o desenvolvimento do córtex cerebral, da tecnologia cada vez mais complexa e da linguagem dos signos linguísticos. Por outro lado, Leroi-Gourhan apresenta uma teorização geral da relação entre a tendência técnica e a dinâmica da sociabilidade humana. Os grupos humanos relacionam-se com o meio exterior (geografia, clima, animais e vegetação) através dos objectos técnicos (uma pele exterior) como se fossem organismos vivos com um meio interior composto pela memória e cultura. Desta forma, a tendência técnica aparece como um fluxo em que o meio interno ganha uma ancoragem cada vez maior no meio externo através dos factos técnicos.
Biografia: Arqueólogo, paleontologista, paleoantropólogo e antropólogo francês especialista em pré-história nascido em 25 de Agosto de 1911 e falecido em 19 de Fevereiro de 1986. Ficou conhecido pelos seus contributos na área da técnica e da cultura. Nos anos cinquenta do séc. XX, foi professor de Etnologia Geral e Pré-história na Sorbonne, em Paris. Mais tarde, de 1968 a 1982, foi membro do Collège de France no domínio da pré-história.

Palavras chave: técnica ,cultura, mão, utensílio.

Principais conceitos: tendência tecnica,  tecnicidade e etnicidade, memória externa. Leroi-Gourhan sugere o conceito de tendência técnica, considerando que ele se articula de forma independente com a lógica étnica associada à sociabilidade humana. A sua concretização é corporizada através dos factos técnicos (L'Homme et la matière - 1943). Mais tarde, na sua obra Milieu et techniques (1945), Leroi-Gourhan apresenta uma teorização geral da relação entre a tendência técnica e a dinâmica étnica associada à sociabilidade humana. Os grupos humanos relacionam-se com o meio exterior (geografia, clima, animais e vegetação) através dos objectos técnicos (uma pele exterior) como se fossem organismos vivos com um meio interior composto pela memória e cultura. Desta forma, a tendência técnica aparece como um fluxo em que o meio interno ganha uma ancoragem cada vez maior no meio externo através dos factos técnicos. Em Le geste et la parole (1964-65), defende que, para se compreender a evolução humana, deve-se sublinhar a importância da transição para a posição erecta que liberta a mão para a actividade manual e o rosto para a os gestos e a linguagem humana propiciando o desenvolvimento do córtex cerebral, da tecnologia cada vez mais complexa e da linguagem dos signos linguísticos No essencial, Leroi-Gourhan efectua um levantamento, a partir de investigações arqueológicas, dos critérios que definem o humano. Nas suas palavras, "a libertação da mão implica quase forçosamente uma actividade técnica diferente da dos macacos e a sua liberdade durante a locomoção, aliada a uma face curta e sem caninos ofensivos, comanda a utilização dos órgãos artificiais constituídos pelos utensílios. Posição erecta face curta, mão livre durante a locomoção e posse de utensílios amovíveis são verdadeiramente os critérios fundamentais da humanidade"[1] (Leroi-Gourhan, 1990: 26). Segundo André Leroi-Gourhan, "as condições humanas da posição vertical têm consequências no desenvolvimento neuropsíquico que fazem que o desenvolvimento do cérebro humano seja mais do que um simples aumento de volume. A relação entre a face e a mão continua a ser tão íntima para o desenvolvimento cerebral como anteriormente o utensílio para a mão e a linguagem para a face são dois pólos de um mesmo dispositivo"[2] (Leroi-Gourhan, 1990: 27). Desta forma, as ferramentas e a tecnologia transformam-se numa espécie de memória externa, adicionada à memória genética do DNA e do cérebro de cada indivíduo, que caracterizam a nossa humanidade.

Bibliografia

AAVV – “André Leroi-Gourhan”, in Wikipedia (inglês)
http://en.wikipedia.org/wiki/Andr%C3%A9_Leroi-Gourhan [30 de Julho de 2008].
Leroi-Gourhan, André – “O gesto e a palavra”, vol. 1 - Técnica e linguagem. Lisboa: Edições 70, 1990.
Leroi-Gourhan, André - O gesto e a palavra, vol. 2 - Memória e Ritmos. Lisboa: Edições 70, 1971.


[1] André Leroi-Gourhan - O gesto e a palavra, vol.  1 - Técnica e linguagem. Lisboa: Edições 70, 1990, 237, p. 26.
[2] Ibidem, p. 27.

© CÔA Todos os direitos reservados© All rights reserved