GlossárioImprimir

Báltica

continente formado no início do Paleozóico pelas terras que hoje constituem a Europa do Norte.

Basalto

rocha vulcânica, quase sempre extrusiva, escura, de grão muito fino, constituída essencialmente por piroxenas, olivinas e plagióclases. Outros minerais menos frequentes podem ser observados e são constituídos por óxidos de ferro e de titânio. O basalto é uma das principais rochas constituintes da crusta oceânica.

Bec

utensílio sobre lasca dotado de uma extremidade pontiaguda robusta, definida por um retoque limitado.

Belemnite

significa "pedra em forma de flecha". Fóssil de um animal aquático carnívoro que possuía uma concha interna totalmente coberta por tecidos musculares moles. Surgiram no início do período Jurássico (há aproximadamente 199 Ma) e extinguiram-se no fim do período Cretácico (65 Ma).

Biótopo

zona com condições ambientais (ex. clima e características de solo) semelhantes em toda a sua área.

Biface

instrumento de pedra lascada, característico de algumas indústrias do Paleolítico Inferior e Médio, com uma silhueta geralmente amigdalóide ou ovalada e uma morfologia caracterizada pela presença de uma extremidade apontada robusta e uma base arredondada. Resulta de um afeiçoamento total ou parcial, nas suas duas faces, de um bloco ou de uma lasca de grandes dimensões.

Biotite

ou mica preta, é um mineral que contém na sua composição potássio, magnésio, ferro e alumínio; apresenta brilho nacarado a metálico. Encontra-se, por exemplo, nos granitos.

Braquiópode

animal invertebrado marinho, parecido com os moluscos, com uma concha bivalve e dois tentáculos enrolados em espiral.

Buril

instrumento de pedra lascada fabricado sobre lasca ou lâmina, cuja zona activa em forma de bisel está obtida por um levantamento. Este tipo de utensílio aparece em maior frequência durante o Paleolítico Superior, associado ao fabrico de utensílios em ossos ou haste de cervídeo.

© CÔA Todos os direitos reservados© All rights reserved